unique visitors counter
Precisa de ajuda?
Faça aqui a sua pesquisa
Estado gasta 719 mil euros para renovar residência oficial do primeiro-ministro

A residência oficial do primeiro-ministro, em São Bento, Lisboa, irá entrar em obras de reabilitação que vão custar cerca de 719 mil euros aos cofres do Estado.

A obra será realizada pela construtora Ramos Catarino.

“Esta obra foi atribuída após convite para um concurso muito participado que obedeceu a todas as regras e obrigações constantes do Código dos Contratos Públicos (CCP)”, explica a construtora, em comunicado, a que o Jornal Económico teve acesso.

A empresa manifesta ainda a sua satisfação pelas obras de reabilitação e pinturas na residência oficial do primeiro-ministro estarem a decorrer “de acordo com o previsto no caderno de encargos”.

A construtora explica que a obra “está em dia em termos de programa de trabalhos”.

A renovação da residência oficial do chefe de Governo está prevista para o final do mês de setembro.

As obras avançaram depois de dois pareceres do Laboratório Nacional de Engenharia Civil (LNEC) em que foi revelado que seria urgente mudar os sistema de climatização, da instalação elétrica ???????e do sistema de proteção contra incêndios.

No ano passado, a residência oficial do primeiro-ministro, no Palácio de São Bento, acolheu uma seleção de 26 obras de arte portuguesa moderna e contemporânea, incluindo pintura, fotografia e desenho, da coleção de Serralves.

Fonte: ptjornal.com

loading...